10/11/2011

Picolinato de Cromo

Darrem Charles

Hoje em dia, a distância entre atletas de ponta é tão pouca, que uma pequena vantagem faz toda a diferença no resultado final. Este fato faz com que atletas, treinadores e cientistas busquem além das técnicas de treinamento, diversos métodos para otimizar os resultados através de recursos ergogênicos.
É o caso do mineral cromo. A função primária deste mineral é potencializar os efeitos da insulina, alterando assim o metabolismo de carboidratos, lipídeos e aminoácidos. A suplementação com cromo também tem sido utilizada com a finalidade de promover aumento de massa muscular e diminuição da gordura corporal.

Frutas Oleaginosas

Nos alimentos, as principais fontes de cromo são :

Ameixas
  • Oleaginosas                                           
  • Aspargo
  • Cogumelos                                 
  • Ameixa
  • Cereais integrais
  • Carnes
  • Vísceras

A ingestão diária e segura de cromo em indivíduos adultos é de 50 e 200 µg/dia.
Vários fatores interferem na absorção do cromo : o fitato, grandes quantidades de zinco, ferro e vanádio no intestino, aminoácidos, oxalato, vitamina C e amido.
O cromo não tem um lugar específico para ser estocado, mas pode ser encontrado no fígado, rins e baço.
Enquanto fazemos exercícios, o cromo é mobilizado de seus estoques no organismo para aumentar a captação de glicose para a célula muscular, mas sua secreção é maior em presença de insulina. Quando há excesso de cromo no sangue, ele não pode ser reabsorvido pelos rins, então é excretado na urina.

Tanto os exercícios aeróbicos quanto os de força, aumentam a absorção de cromo intestinal, mas a perda de cromo pela urina ainda é maior, o que resulta num balanço negativo de cromo, depleção e redistribuição dos estoques de cromo no pós exercício. Diante desse fato, acredita-se que atletas possam apresentar deficiência de cromo com mais facilidade do que indivíduos sedentários ou moderadamente ativos. O objetivo de suplementar atletas com o mineral cromo, não é apenas pela deficiência orgânica, mas principalmente porque o cromo pode favorecer o anabolismo por meio da sensibilidade à insulina, estimulando a captação de aminoácidos e que por sua vez aumenta a síntese protéica, acarretando no aumento de massa muscular através de ganho corporal magro.

No momento estou tomando o Picolinato de Cromo da Saturn, 2 caps depois do almoço e 
2 depois do jantar.












Bons Treinos e Força Total

Nenhum comentário:

Postar um comentário